terça-feira, 21 de março de 2017

O garoto que tinha asas - resenha

Oi gente! Terminei minha décima primeira leitura de lazer do ano! Digo de lazer, porque como escritora já devo ter lido e relido meus livros que estão em revisão umas dez vezes e ainda tive o prazer de "betar" o romance de duas escritoras minhas amigas.
Mas vamos lá! 



O primeiro livro que li da Raiza Varella foi o "Caçadora de estrelas", além de ter me apaixonado pela história, fiquei encantada com a escrita dela, que mistura drama e comédia na medida certa, arrancando lágrimas e risadas! Logo em seguida li o primeiro livro da série "Encantados", que é "O garoto dos olhos azuis" e mais uma vez me apaixonei! E agora terminei de ler o segundo livro dessa mesma série, que é O garoto que tinha asas. O livro conta a história de Augusto, o Monstro, apelido "carinhoso" que carrega desde a infância. Ele é irmão da Babi, a personagem central do primeiro livro. Augusto é um médico cardiologista, que apesar de muito jovem  é bem sucedido. Ele é o típico solteiro convicto e "pegador". Monstro nunca havia se apaixonado. Ele tem uma personalidade forte e desconhecia o significado da palavra gentileza, até que um dia o destino resolve brincar com ele, colocando em sua vida uma garota misteriosa, problemática e cheia de segredos: Anna. Na verdade esse não é seu nome, mas ela o usa, escolheu um nome falso tentando proteger sua identidade, e só no final da história revelará a Augusto e ao leitor seu nome de nascimento e de quem fugia. A história  é envolvente. Logo no início do livro Augusto presencia um acidente de carro sofrido por Anna e a socorre. Antes de perder a consciência, ao ver Augusto, Anna enxerga "Um garoto de asas", seu anjo particular e pede a ele que prometa cuidar de seu filho, que estava no banco de trás do carro. Se parasse para pensar, provavelmente Monstro nunca teria feito uma promessa dessas, mas ele prometeu e a cumprirá, mesmo sem o menor jeito com crianças. Juro que senti vontade de bater nele várias vezes durante o livro, para ver se deixava de ser ogro! Anna fica entre a vida e a morte, internada numa UTI, e quando acorda, mesmo sem revelar do que estava fugindo quando seu carro foi atirado da estrada por outro, provocando o acidente, e sem revelar quem é e do que tanto tem medo e foge, Augusto a acolhe em sua casa. Aos poucos, ambos perceberão que apesar das brigas constantes, já não conseguem disfarçar o que sentem um pelo outro e nascerá um lindo romance, típico de contos de fada, onde o príncipe, que é um verdadeiro sapo no início, ou "a Fera" como citou a própria autora, se transformará em alguém mais doce e humano, quando percebe que é capaz de amar e se entrega a esse sentimento por Anna. Mas antes do "felizes para sempre" muita coisa acontecerá, mas não vou tirar a graça da história contando! Leiam, espero que gostem tanto quanto eu! Beijos

Conheçam meu primeiro romance "Contra todas as probabilidades" à venda em ebook na Amazon, ou livro impresso com compra diretamente comigo pelo email correiodare@yahoo.com.br.
link para comprar o ebook:
https://www.amazon.com.br/Contra-todas-probabilidades-Renata-Corr%C3%AAa-ebook/dp/B01N67646G/ref=sr_1_1?s=digital-text&ie=UTF8&qid=1490143867&sr=1-1&keywords=contra+todas+as+probabilidades

Participem do meu grupo de leitores no facebook e me acompanhem! https://www.facebook.com/groups/1632831107022211/

Em breve publicarei um livro de contos na Amazon, intitulado "Amores e desamores", são 11 histórias curtas e bonitas sobre amores que deram certo e outros que não. E ainda neste primeiro semestre de 2017 será lançado meu segundo romance, pela editora Pandorga, o "As coisas não são bem assim".

#livros
#romances
#raizavarella
#renatarcorrea
#ogarotoquetinhaasas
#contratodasasprobabilidades
#vidadeescritora
#amoler

Deixe seu comentário usando o facebook!